Desenvolvimento da próxima geração de faróis LED buscando incremento de qualidade de iluminação

No início dos anos 90, a TYRI foi a primeira fabricante premium a investir totalmente em LED e deixar o desenvolvimento de lâmpadas halógenas para trás. Nossos especialistas vislumbraram todos os benefícios que o LED tinha a oferecer e perceberam desde o início que era esta tecnologia que o mercado exigiria no futuro. Hoje estamos, mais uma vez, liderando o mercado para produzir a próxima geração de faróis de trabalho LED com qualidade de luz superior, tanto em termos de temperatura quanto a reprodução de cor.

Trabalhando ao lado de nossos clientes, estamos constantemente aprendendo sobre novos desafios que eles enfrentam em diferentes setores. Este relacionamento é o nosso ativo mais importante para a pesquisa e desenvolvimento de nossos novos faróis de trabalho.

O farol LED tem muitos benefícios, mas ainda há coisas que podem ser melhoradas, como reprodução e temperatura de cor. Hoje, a maioria dos faróis premium está entre 70-75 CRI (índice de reprodução de cor) e 5-7000 Kelvin (temperatura). Isso significa que em diferentes situações é difícil determinar a qualidade do material, pois as cores se tornam enganosas e os contrastes não são claros, o que afeta, entre outras coisas, a visualização à distância.

Durante as conversas com nossos clientes, os desafios em distinguir diferentes materiais e fragmentos de pedra, bem como problemas com brilho durante a remoção de neve, foram constantemente apresentados. Isso nos fez começar a pesquisar como poderíamos melhorar a qualidade da luz em nossos faróis. A luz reflete fortemente na neve, no solo e no ar e isso torna difícil ver e os olhos ficam tensos. Além disso, é difícil ver valas e outras variações em um ambiente com neve. No entanto, com melhor reprodução de cor e temperatura de cor mais baixa / mais quente, a paisagem se torna mais clara e o olho, assim como o cérebro, não precisa trabalhar tanto.

Após vários anos de pesquisa e desenvolvimento, desenvolvemos um protótipo de farol de trabalho Hi-CRI que começamos a testar em máquinas de remoção de neve. Avançando em nosso desenvolvimento, também testamos as luzes de trabalho em outros ambientes, como pedreiras e silvicultura.

“Nossos novos faróis de trabalho LED medem 90-95 CRI, o que significa que agora estamos nos aproximando da mesma qualidade de luz das lâmpadas incandescentes, ou seja, 90-100 CRI,” explica Claes Laitinen, Desenvolvedor de Produto da TYRI.

O teste dos novos faróis de trabalho LED em ambientes do mundo real proporcionou à TYRI um excelente feedback dos operadores. No entanto, aumentar a qualidade da luz LED sem prejuizo ao brilho do mesmo era o objetivo.

Um dos maiores desafios enfrentados foi aumentar a qualidade da luz ao mesmo tempo em que fornecia o número certo de lumens. A TYRI conseguiu isso e o farol de trabalho LED Hi-CRI oferece aproximadamente 3.200 lúmenes efetivos.

Finalmente, a tecnologia acompanhou nosso desenvolvimento e encontramos fornecedores que podem fornecer componentes de qualidade para permitir a produção em série. Com o novo LED HI-CRI, conseguimos criar um farol melhor, independentemente da área de uso, e há apenas vantagens em obter uma melhor reprodução de cores.

Nossos primeiros protótipos exigiam muitos faróis de trabalho para atingir um brilho satisfatório, no entanto, através do nosso desenvolvimento de produto, agora é possível reduzir significativamente o número de faróis de trabalho e ainda manter o brilho exigido que nossos clientes esperam, reduzindo o custo para os clientes. ” diz Claes Laitinen.

0 replies

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

5 × three =